Por que os notebooks podem ser melhores que os desktops para as empresas?

Ano após ano os desktops têm perdido espaço, e os notebooks acabaram se tornando a escolha de boa parte dos consumidores.
em 04 Dezembro 2019
Início > Blog > Por que os notebooks podem ser melhores que os desktops para as empresas?

Imagem de: Por que os notebooks podem ser melhores que os desktops para as empresas?

É verdade que ano após ano os desktops têm perdido espaço. As características dos notebooks acabaram fazendo com que eles fossem a escolha de boa parte dos consumidores. E isso vale tanto para o consumidor doméstico como para o empresarial. No segmento corporativo, há ainda argumentos mais fortes para sustentar a adoção dos computadores móveis e portáteis.

Neste artigo, vamos apresentar os motivos pelos quais vale a pena considerar o uso de notebooks dentro das corporações. Não estamos advogando o fim dos computadores de mesa. Eles certamente continuarão a ter o seu espaço, mas há bons argumentos para preferir os notebooks quando comparado aos desktops – pelos menos dentro das empresas.

Motivo 1 – Economia de espaço

O crescente movimento de startups no Brasil tem chamado a atenção de todo mundo, mesmo daqueles que não respiram tecnologia o dia todo. Essas empresas geralmente têm uma característica em comum: o início modesto, sem grandes estruturas ou aparelhagens complexas e dignas de grandes corporações. Isso se traduz em um escritório pequeno, pouco espaço e que às vezes pode ser a casa dos próprios empreendedores.

Nesse contexto, os notebooks ganham preferência. Afinal, estamos falando de um dispositivo que não ocupa tanto espaço e se adequa muito bem a ambientes pequenos. Porém, não são somente as startups que podem tirar vantagem dos computadores portáteis.

Uma empresa, ao instalar um desktop, praticamente ganha uma nova “peça de decoração”. Não estou dizendo com isso que o computador não serve para nada.  Longe disso! Porém, como o dispositivo dificilmente será movido daquele lugar tão cedo, isso faz com ele componha a paisagem onde está. Esse pode até não ser um problema se estivermos falando de belas máquinas, com um design moderno e futurístico. Mas e aquelas torres nada atraentes e gabinetes que parecem um trambolho?

Esse detalhe, que pode parecer pequeno para alguns, não agrada muito as empresas que querem transmitir uma imagem específica para seus clientes. Portanto, a economia de espaço e a possibilidade de embelezar melhor o ambiente constituem bons motivos para apostar em um notebook.

Motivo 2 – Mobilidade

Você já sabia que esse motivo iria aparecer por aqui. Afinal, se tem uma característica na qual os notebooks destroem os desktops é a sua mobilidade. Na verdade, se considerarmos que os computadores de mesa não saem do lugar (a não ser que precisem ser movidos ou instalados em outro lugar), os desktops nem possuem mobilidade.

Os notebooks, por outro lado, podem ser levados para quase qualquer lugar e ainda se adaptam muito bem a espaços apertados – ainda que a ergonomia seja sacrificada. Portanto, nem há muito o que se falar neste ponto. Em se tratando de mobilidade, os notebooks vencem de lavada os desktops.

Motivo 3 – Praticidade

Quem já teve o privilégio de comprar um notebook sabe que não existe segredo na hora de “montar” o aparelho. Na verdade, o máximo de esforço que se exige é o de colocar a bateria no laptop e ligá-lo na tomada. Ninguém precisa se preocupar em conectar o monitor, o mouse, o teclado, a caixa de som e outros periféricos que às vezes são necessários em desktops.

É por essa praticidade que os notebooks ganham vantagem em mais um motivo. Sem um mínimo de conhecimento, pode ser verdadeiramente desafiador montar um desktop, especialmente se as peças forem compradas separadamente. Há quem sinta muito prazer em fazer isso. Contudo, há aqueles que simplesmente querem ligar o dispositivo e sair usando. Essa não é a realidade para a maioria dos computadores de mesa.

Motivo 4 – Preços equivalentes

No passado, era normal argumentar que os notebooks eram muito mais caros do que um computador de mesa com um hardware equivalente. E essa era, infelizmente, uma verdade. Entretanto, hoje o cenário é outro e já é possível encontrar notebooks e desktops com um hardware parecido e com preços igualmente semelhantes.

A tecnologia avançou bastante para os dispositivos portáteis, sendo possível baratear o custo e fabricação dos notebooks. Além disso, o crescente número de participantes nesse mercado abriu as portas para alternativas muito boas e baratas para os consumidores.

Portanto, hoje podemos dizer que as duas categorias estão equivalentes em preço, o que é um ponto positivo para os notebooks, visto que eles sempre foram considerados mais caros.

Para Locação de Computadores e Notebooks em Campinas clique aqui

Para saber mais - Fonte: https://www.tecmundo.com.br/produto/147940-notebooks-melhores-que-os-des...